BRASIL: Petrobras: Números positivos falam mais alto que críticas vazias da oposição, afirma líder do PT

Compartilhar

 

José Guimarães (PT-CE) ressaltou que no governo democrático e popular do PT, a Petrobras aumentou a produção e se consolidou no mercado nacional e internacional

 
Por Gizele Benitz - PT na Câmara Quinta-feira, 14 de março de 2013

O líder da Bancada do PT na Câmara, deputado José Guimarães (CE), ocupou a Tribuna nesta quarta-feira (13) para elogiar a gestão positiva dos governos do PT à frente da Petrobras.
José Guimarães ressaltou que no governo democrático e popular do Partido dos Trabalhadores, a Petrobras aumentou a produção e se consolidou no mercado nacional e internacional. “A Petrobras adquiriu musculatura e está se tornando uma gigante”, disse.
Guimarães rebateu as tentativas de alguns setores da oposição de “torcerem por uma chamada crise” da Petrobras. “A empresa Petrobras não está em crise. Alguns até torcem para que estivesse em crise, mas os dados falam mais alto. Contra fatos e dados não há argumento”, enfatizou.
Ao citar os últimos levantamentos da receita da Petrobras, José Guimarães refutou as críticas. “A receita da Petrobras, em 2002, era de R$ 69,2 bilhões e, em 2012, saltou para R$ 281,3 bilhões. Como pode então, estar em crise? Como pode, se a empresa tem sido geradora de novas tecnologias, graças, principalmente, à descoberta do pré-sal?”, questionou o líder petista. E a descoberta do pré-sal, acrescentou, “só foi possível porque a empresa não foi privatizada no governo anterior, no governo dos tucanos. A empresa, com o pré-sal, tornou-se gigante e hoje é uma das maiores do mundo”.
Guimarães citou ainda que justamente nos governos Lula e Dilma, a Petrobras aumentou em 73% a produção de petróleo nacional, ao passo que a produção mundial da mesma commodity aumentou apenas 12%. No que tange ao gás natural, a produção brasileira apresentou um incremento de mais de 60%, enquanto a produção internacional aumentou 36%. As reservas de gás e petróleo no Brasil aumentaram 73%, ao passo que as mesmas reservas mundiais se ampliaram em 38%, ilustrou o líder do PT.
“Podem alguns até ficar insatisfeitos, mas, quando chegarmos em 2016 — a nossa segurança é por conta do Plano de Investimentos da Petrobras —, vamos ter todas as refinarias instaladas e, assim, executado em 100% o Plano de Negócios da Petrobras”, ressaltou José Guimarães. Na avaliação do líder, a tendência da Petrobras é crescer também na questão do refino do petróleo. “Se ainda não integra a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP), já, já, quando forem instaladas as refinarias que estão no Plano de Negócios da Petrobras, ela também se tornará gigante no refino do petróleo”, concluiu o deputado José Guimarães.

 
 

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais