Mobilize e participe! Começa hoje até dia 07 a coleta de votos para o Plebiscito Popular por uma Constituinte Exclusiva da Reforma Política.

Compartilhar

A semana da votação pelo Plebiscito Popular por uma Constituinte Exclusiva Soberana do Sistema Político começa nesta segunda-feira 1 de setembro e termina no dia 7. Neste momento todos os Diretórios Zonais do PT da capital foram transformados em comitê para incentivar toda militância nas regiões a votarem a favor do plebiscito.   O Plebiscito é o primeiro passo para que a reforma política aconteça com a verdadeira representação popular.

O Diretório Municipal também instalou sua urna para receber as votações pessoalmente. Todos os DZs foram convocados a unir as atividades de campanha para eleições 2014 à colheita dos votos a favor plebiscito. Cada Diretório Zonal é uma unidade do partido mais próxima dos moradores de das regiões da cidade e tem um papel primordial neste processo.

Ao vestir a bandeira da importância do plebiscito popular e da reforma política, o partido ressalta que as mudanças desejadas pela população também está na reeleição da Dilma como presidenta, Padilha governador, Suplicy senador e dos deputados e deputadas do PT, já que o partido e seus candidatos também apoiam mudanças profundas no sistema político com mais participação e representação popular.

Para auxiliar os militantes no processo de convencimento da população sobre a participação nesta votação, os sites do PT em todas instâncias, e o próprio site do Plebiscito Popular http://www.plebiscitoconstituinte.org.br reuniu uma série de textos, artes e vídeos explicando o que significa Plebiscito Popular por Uma Constituinte Exclusiva e Soberana e o papel dele para haver uma Reforma Política do Sistema Político. No site do DM, os conteúdos com textos, artes e vídeos realizados permaneceram em destaque esta semana.

Além da urna na sede do Diretório Municipal, do conteúdo de apoio disponibilizado no site, também estará disponível no site www.dmptsp.org.br informações sobre a possibilidade de realizar a votação pela internet no site do plebiscito popular. Esta ferramenta é interessante para ser divulgada aos militantes que realmente não conseguirem comparecer nos DZs para votarem.

A reforma política é a mãe de todas as reformas e cabe a nós do PT assegurá-la, começando pela mobilização do plebiscito.

Firmes na luta, saudações petistas.

 

Paulo Fiorilo                                                                         João Bravin  

Presidente do Diretório Municipal do PT               Secretário de Comunicação

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais