Lula defende educação como forma de garantir conquistas

Compartilhar

 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu, em ato pela educação em Teresina (PI), na noite de quarta-feira (21), que a educação para que as conquistas dos brasileiros não sejam desfeitas ao longo do tempo.

“Sabemos que a nossa tarefa ainda é muito árdua: garantir a qualidade da educação para que as conquistas não se desfaçam ao longo do tempo”, disse o ex-presidente. Em seu discurso na plenária, o ex-presidente reafirmou sua crença no ensino de qualidade. “É através da educação que a gente consegue criar oportunidades iguais para todos os seres humanos. A educação é, definitivamente, o passaporte para o futuro desse país”, afirmou.

Em seu discurso na plenária, o ex-presidente reafirmou sua crença no ensino de qualidade. “É através da educação que a gente consegue criar oportunidades iguais para todos os seres humanos. A educação é, definitivamente, o passaporte para o futuro desse país”, afirmou.

Lula ressaltou as recentes conquistas do estado, como a escola Augustino Brandão (em Cocal dos Alves), “a melhor escola pública do Brasil.”

“Estou levando essa mensagem, especialmente, para os companheiros do PT, para que se engajem em uma educação melhor para todos”, disse, explicando sua militância para a implementação das 20 metas do Plano Nacional da Educação.

De volta à rotina de percorrer o país, Lula conclamou o Piauí a manter-se altivo na educação, para que as conquistas alcançadas até aqui não se percam. O ex-presidente participou da Plenária pela Mobilização na Educação ao lado das autoridades estaduais.

Na plenária, o governador Wellington Dias (PT) deu a dimensão do avanço do Estado com um dado estatístico sobre o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) local. Um dos mais pobres estados do País também tem escolas públicas entre as mais bem avaliadas no exame do ensino médio (Enem).

“Esse estado entrou no século 21 com IDH 0,4, que é de um lugar muito pobre. Esse estado não seria o que é hoje se não fosse por Luiz Inácio Lula da Silva. O índice hoje é 0,7. E queremos atingir 0,8″, disse Dias.

Segundo o governador, a educação do Piauí tem hoje, comparativamente, “desempenho superior aos estados mais ricos, como São Paulo e Rio de Janeiro.” Mais de 130 escolas destacam-se das demais nos exames do Enem.

A educação foi, aliás, o principal tema do ex-presidente na sua passagem por Teresina, onde, em companhia do governador e da secretária estadual de Educação, Rejane Dias, recebeu títulos de “Cidadão piauiense” e ”Cidadão de Teresina”, além de visitar, durante o dia, a Escola Modelo Didácio Silva, undos ícones do ensino no estado.

A Didácio Silva, revelou seu diretor, Alberto Machado, substituiu a violência e a evasão escolar por ensino em tempo integral, balanceando o currículo formal com projetos de arte, desenvolvimento tecnológico e literatura.

“Essa escola nos emociona. Nossos alunos têm prazer de estar aqui”, afirmou o diretor, diante de dados como zero de índice de evasão e 98% de aprovação. Lula tomou a iniciativa de aprofundar-se no tema e quis saber quais foram os ganhos com o ensino em tempo integral.

Passar mais tempo na escola com os alunos, respondeu Machado, “permite dar a ele mais assistência pedagógica e psicológica”. Lula pediu a ele que desse um conselho a alunos, professores e pais das escolas de periferia. “A educação começa pelo amor”, sintetizou o diretor.

Depois de improvisar entrevistas com a plateia, ouvir alunos professora e zelador, Lula afirmou: “Investir em educação é a mais extraordinária oportunidade de o país ter retorno e possa exportar conhecimento. A educação é a maior herança que um pai pode deixar para seus filhos.”

Fonte: Márcio de Morais, da Agência PT de Notícias, com informações do Instituto Lula e do boletim eletrônico PT no Senado

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais