Lula 70 anos: Dilma parabeniza ex-presidente

Compartilhar

 

A presidenta Dilma Rousseff gravou um vídeo para parabenizar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelo seu aniversário de 70 anos. Ela se disse orgulhosa de caminhar ao lado dele na missão de transformar o Brasil que sempre sonharam em realidade.

“Homenageio o parceiro de todas as horas, o retirante nordestino que transformou o Brasil, o presidente que conquistou o coração dos brasileiros. Eu sou testemunha da sua luta para fazer do Brasil um país de todos. Uma luta que permitiu eliminar o flagelo da fome e nos tornar referência internacional no combate à pobreza”, disse.

Para a presidenta Dilma, foi a visão de transformar o Brasil em um país mais justo e digno que levou o ex-presidente Lula a criar oportunidades como nunca antes para a sociedade brasileira.

“Tenho orgulho de dar continuidade a essa trajetória de Lula. Foi ele que investiu na expansão das escolas técnicas e das universidades para o interior do Brasil e para os brasileiros que até então estavam excluídos, como os negros. Foi essa trajetória que posicionou o Brasil com dignidade, grandeza e soberania no cenário mundial”, explicou.

O presidente do Partido dos Trabalhadores, Rui Falcão, parabenizou Lula em nome de toda a militância e disse que os anos de convivência com o ex-presidente foram um período “muito rico”.

“Estamos na expectativa de que esse seu aniversário se prolongue por muitos e muitos anos. Até porque, você sabe, a minha expectativa é que em 2018, Lula de novo”, ressaltou.

O cantor Chico Buarque e a cineasta Tata Amaral também fizeram questão de homenagear os 70 anos do ex-presidente. Tata afirmou que as greves no ABC Paulista, em 1979, quando o movimento operário saiu às ruas, foram um marco em sua vida.

“É memorável essa trajetória de 70 anos que nos fez mais feliz porque hoje podemos viver graças a esse governo democrático e graças a toda a possibilidade que foi gerada e criada ao longo desse período”, afirmou.

O diretor-geral da Food and Agriculture Organization of the United Nations (FAO), José Graziano, disse estar muito contente por ter chegado a essa idade junto com Lula e de estarem juntos desde as campanhas presidenciais.

“Me fiz seu assessor voluntário procurando estar sempre presente, junto em todas as ocasiões que foram possíveis durante as campanhas presidenciais. Nós ainda temos muita coisa para fazer nesse mundo. Erradicar a fome é possível e o senhor mostrou isso no Brasil, que saiu rapidamente do Mapa da Fome”.

Fonte: Danielle Cambraia, da Agência PT de Notícias

Últimos artigos

Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais
Rui Falcão: As alternativas do PT para a Previdência
segunda, 13 março 2017, 19:03
  Em meio às manifestações contra o desmonte da Previdência (e foi notável a reação das mulheres no 8 de março, dia de luta também contra o conservadorismo e a violência), abre-se agora o debate sobre qual a melhor tática... Leia Mais