Datafolha: Lula sobe, tucanos despencam e cai apoio ao impeachment

Compartilhar

 

Levantamento mostra ainda que melhor a avaliação do governo Dilma Rousseff. Tudo isso apesar dos ataques midiáticos das últimas semanas

 

 

Uma nova pesquisa do Instituto Datafolha divulgada na noite deste sábado (9) mostra que o ex-presidente Lula (PT) subiu em todas as projeções para as eleições presidenciais de 2018. Lula lidera todos os cenários ao lado de Marina Silva (Rede). A mesma pesquisa indica crescimento das pessoas que estão contra o impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT), e uma queda das que estão a favor.

No primeiro cenário projetado pelo Datafolha para 2018, Lula teria 21% dos votos. Marina ficaria com 19%, Aécio Neves (PSDB) com 17%, Jair Bolsonaro (PSC) com 8% e Ciro Gomes (PDT) com 7%. Nesse quadro, Aécio tem perdido votos sucessivamente. Na última pesquisa, em 17 de março, o tucano tinha 19%, enquanto Lula tinha 17%.

No segundo cenário, com Geraldo Alckmin concorrendo pelos tucanos, Lula também apresentou crescimento, de 17% para 22%. Já Alckmin caiu de 11% para 9%. Em um terceiro cenário, com José Serra concorrendo pelo PSDB, Lula também subiu de 17% para 22%, enquanto Serra caiu de 13% para 11%. Já no último cenário, com os três tucanos juntos, Lula se descola do restante e aparece com 21%, em franca liderança.

Sobre o impeachment, o Datafolha indica que houve um crescimento de 27% para 33% das pessoas que estão contra o impeachment e uma queda de 68% para 61% das que estão a favor.

Mesmo com os ataques diários sofridos na mídia, o governo da presidenta Dilma teve uma melhora de sua popularidade. As pessoas que avaliam seu governo como ótimo/bom subiram para 13%, aumento de 3% em relação à última pesquisa. Já 63% avaliam seu governo como ruim/péssimo, uma queda de 6 pontos percentuais.

Para o levantamento, foram realizadas 2.779 entrevistas em 170 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

 

Fonte: Agência PT de Notícias

Últimos artigos

Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais
Rui Falcão: As alternativas do PT para a Previdência
segunda, 13 março 2017, 19:03
  Em meio às manifestações contra o desmonte da Previdência (e foi notável a reação das mulheres no 8 de março, dia de luta também contra o conservadorismo e a violência), abre-se agora o debate sobre qual a melhor tática... Leia Mais