PT lança ferramentas de pesquisa para filiados e chapas; acesse já

Compartilhar

 

As ferramentas têm o intuito de garantir mais transparência ao processo. Filiados poderão fazer as buscas diretamente pelo site do PT. Saiba como

 

 

 

O Partido dos Trabalhadores liberou, na noite desta quinta-feira (2), duas novas ferramentas de pesquisa relacionadas ao  6º Congresso Nacional do PT. As ferramentas têm o intuito de garantir mais transparência ao processo, possibilita a fiscalização por parte dos filiados e também permite que os interessados já comecem a pesquisar informações sobre em quem votar, por exemplo.

A primeira ferramenta serve para pesquisar a situação de filiados e filiadas ao PT. A busca pode ser feita por estado/cidade. Com isso, é possível que o próprio filiado (a) confira sua situação e/ou a situação de companheiros.

Para fazer a pesquisa da situação de filiados e filiadas, basta inserir informações como nome, estado, cidade (veja abaixo).

Reprodução

Pesquisa de situação de filiados e filiadas ao PT

 

Após inserir as informações, a pesquisa vai gerar os dados. Há duas opções de resultado: apto a votar ou com pendências. Caso o filiado tenha pendências, ele deverá se dirigir ao diretório municipal para regularizar a situação.

Reprodução

Pesquisa de situação de filiados e filiadas ao PT

 

Chapas, candidatos e locais de votação

A segunda ferramenta de pesquisa disponibilizada pelo partido possibilita a busca de informações de chapas, candidatos e locais de votação. Com isso, é possível que os interessados saibam quem está concorrendo aos diretórios do PT na região.

Além disso, a pesquisa possibilitará mais transparência no processo, já que o próprio candidato poderá verificar se sua candidatura e/ou chapa estão inscritos corretamente.

Para fazer essa busca, é preciso informar o nível (estadual, municipal ou zonal), a unidade da federação e município/zonal.

Reprodução

Pesquisa de chapas, candidatos e locais de votação

 

Após a busca, a ferramenta de pesquisa vai liberar os dados inscritos e todos os nomes de quem faz parte das chapas, incluindo informações sobre a situação de cada candidato. Caso haja alguma pendência, é preciso que a pessoa se dirija ao diretório municipal para regularizar a situação.

Além disso, a pesquisa informa os candidatos (as) a presidente (a) e locais de votação.

Reprodução

Pesquisa de chapas, candidatos e locais de votação

 

As inscrições

Os filiados do PT que desejam concorrer aos diretórios zonais, municipais ou integrar uma chapa dos estaduais, dentro do processo do 6º Congresso Nacional do PT, têm até a próxima segunda-feira (6) para inscrever chapas ou candidaturas.

Dia 6 de março também é o prazo final para regularizar sua situação financeira junto à tesouraria do seu diretório. Isso porque, só pode se inscrever e participar do processo eleitoral do 6º Congresso quem estiver com todas as contribuições em dia.

Para fazer a inscrição é preciso protocolar os formulários de inscrição nos Diretórios Municipais, pessoalmente ou através de e-mail com aviso de recebimento. Acesse aqui o formulário de inscrição de chapa.

Caso não seja possível fazer a inscrição no Diretório Municipal, as chapas e candidaturas deverão ser encaminhadas à Secretaria Estadual de Organização.

As condições aprovadas pelo Diretório Nacional para inscrição de chapas são:
– Os filiados e as filiadas inscritos devem ter mais de um ano de filiação e estar registrados no Sistema de Filiados do PT (Sisfil);
– É preciso pagar todas as contribuições financeiras através do SACE até o dia 6 de março;
– As chapas devem ter paridade de gênero e respeitar a cota de etnia e juventude;
– O número de componentes em cada chapa deve ser, no mínimo, 10% das vagas em disputa e, no máximo, o dobro das vagas.

*) Saiba mais sobre cotas étnico-raciais e tire dúvidas aqui.

Os Diretórios Municipais devem providenciar o registro das chapas inscritas no SisPED e informar os representantes das chapas sobre as eventuais pendências, conforme resumo emitido pelo sistema.

Para solucionar as pendências apontadas, os representantes das chapas poderão solicitar a substituição de nomes inscritos até o dia 13 de março de 2017. Porém, os nomes pendentes só poderão ser substituídos por filiados e filiadas que tenham quitado sua contribuição financeira até o dia 6 de março.

Encerrado o prazo para inscrição de chapas, quando for identificada a inadimplência de componentes das chapas, candidatas ou candidatos, os mesmos serão automaticamente indeferidos.

Por isso é muito importante que cada filiada e filiado interessado em participar do processo eleitoral do 6º Congresso Nacional do PT regularize sua situação até o dia 6 de março.

Para mais informações, o filiado e a filiada devem procurar o diretório de sua cidade ou consultar a comunidade PT,  no link localizado na home do site do partido, no canto superior direito.

Já para pendências financeiras, devem buscar o SACE de sua região nos seguintes números:
Nordeste: (11) 3243-1389
Norte: (11) 3243-1381
Centro Oeste: (11) 3243-1428
Sudeste: (11) 3243-1416
Sul: (11) 3243-1423

Saiba mais

Leia o regulamento do 6º Congresso do PT
Conheça as datas e prazos do 6º Congresso
Tire dúvidas e saiba como participar
Para mais informações, entre em contato pelo e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

Fonte: da Agência PT de Notícias

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais