LOCAL: Ato da saúde reúne movimentos populares e sociais, sindicatos e vereadores paulistanos

Compartilhar

 

 

Liderança PT na Câmara- Quarta, 10 Abril 2013
 
 
 
 

Na manhã desta quarta-feira, 10, o movimento popular de saúde, juntamente com entidades do movimento social e sindicatos, foi às ruas para defender uma saúde pública e de qualidade para toda a população e a valorização do Sistema Único de Saúde (SUS). O ato teve início na Praça do Patriarca e se estendeu com uma caminhada até a Câmara Municipal, onde aconteceu audiência com a Comissão de Saúde, Promoção social, Trabalho e Mulher da Casa. Mais de 500 pessoas estiveram presentes no ato.

 

José de Filippi Junior, Secretário Municipal de Saúde, participou do evento e anunciou que a Prefeitura vai realizar concurso público para contratação de servidores em todos os cargos para a Saúde.
 
O Secretário explicou que a secretaria tem 35 mil profissionais contratados, o que representa uma defasagem de, pelo menos, 20% da necessidade da população paulistana. “Precisamos de muitos profissionais para dar conta da demanda, mas neste ano ainda não é possível contratar todos. No entanto, esperamos ter pelo menos mil novos profissionais na rede da saúde”, adiantou Filippi.
 
Esse ano as entidades, movimentos sociais e sindicatos ligados a Saúde realizaram um ato unificado e divulgaram uma Carta Aberta à Sociedade Civil Organizada, contendo a pauta de reinvindicações e questões dos grupos signatários. O documento faz a defesa do SUS, pede mais verbas para a Saúde e mais médicos na rede pública municipal.
 
A mobilização é uma alusão ao Dia Mundial da Saúde, comemorado no dia 7 de abril por movimentos sociais e sindicais, usuários e trabalhadores e trabalhadoras do setor.

FOTO: Jabes Campos

A mesa foi formada pelos vereadores Alfredinho e Juliana Cardoso (PT), Calvo (PMDB), Ari Friedenbach e o Deputado Estadual Carlos Neder. Também fizeram parte da discussão representante do Sindicato dos Médicos, do Sindicato dos Enfermeiros, do Conselho Municipal de Saúde, do Grande Conselho do Idoso, além do Secretário de Saúde do Município de São Paulo, José de Filippi Junior.
 
SUS
O Sistema Único de Saúde foi criado pela Constituição de 1988, tornando o acesso à saúde gratuito a toda sociedade. Segundo o Ministério da Saúde, “o sistema realiza 2,8 bilhões de procedimentos ambulatoriais anuais, 19 mil transplantes, 236 mil cirurgias cardíacas, 9,7 milhões de procedimentos de quimioterapia e radioterapia e 11 milhões de internações”.

Últimos artigos

Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais
Rui Falcão: As alternativas do PT para a Previdência
segunda, 13 março 2017, 19:03
  Em meio às manifestações contra o desmonte da Previdência (e foi notável a reação das mulheres no 8 de março, dia de luta também contra o conservadorismo e a violência), abre-se agora o debate sobre qual a melhor tática... Leia Mais