LOCAL: Prefeitura inicia neste sábado debates para revisão do Plano Diretor Estratégico

Compartilhar



Primeira etapa terá dez reuniões até 1º de junho e contará com a participação da população. Debate será transmitido ao vivo pelo site da Prefeitura

A Prefeitura de São Paulo inicia neste sábado (27) a primeira das quatro etapas da revisão participativa do Plano Diretor Estratégico (PDE), com um debate no Campus Memorial da Uninove, na Barra Funda. A reunião acontece das 8h às 17 horas.
Nesta primeira etapa, de Avaliação Temática, serão realizados dez encontros como esse, que irão até 1º de junho, com reuniões abertas à população.
Na primeira reunião, além da abertura oficial da revisão do PDE e o lançamento da plataforma digital ‘Gestão Urbana’, os cidadãos serão divididos em cinco grupos, com um relator cada, e apresentarão as propostas discutidas.


Conduzida pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, a revisão dos instrumentos de planejamento e gestão urbana prevê ajustes nas leis de Parcelamento, Uso e Ocupação do Solo, Planos Regionais Estratégicos, Código de Obras e complementares.


“O objetivo da primeira etapa é mostrar para a população o que o PDE de 2002 gerou na cidade, mas sem fechar as portas para contribuições. Um processo participativo não pode ter uma idéia acabada, mas queremos mostrar que não partimos do zero e temos uma série de desafios identificados”, afirmou o diretor do Departamento de Urbanismo (Deurb) da secretaria, Anderson Kazuo Nakano.


Durante a apresentação do cronograma da revisão, na última terça-feira (23), o prefeito Fernando Haddad destacou a importância da revisão do PDE. “O Plano Diretor orienta o investimento. Ele vai dizer como vamos organizar São Paulo. A nossa cidade tem um desenvolvimento imobiliário equivocado, por bairros, em que você vai destruindo bairros e edificando uma quantidade de área incompatível com a infraestrutura do local”, disse o prefeito.


Desafios Segundo o diretor da Deurb, entre os desafios da construção do novo plano estão apresentar estratégias para aproximar a moradia dos empregos e do transporte público, aumentar ofertas de serviços públicos nos bairros e equilibrar a distribuição de grandes empreendimentos imobiliários, junto a outras medidas como planos regionais e de bairros.


“O cidadão vive o dia a dia da cidade e, por isso, tem condições de contribuir com o debate. Sentimos que existe uma fome de participar e uma preocupação da sociedade em melhorar o espaço onde mora”, disse o diretor.


Tempo real A primeira reunião da fase inicial da revisão do Plano Diretor Estratégico (PDE) será transmitida ao vivo, pelo site da Prefeitura, onde o cidadão poderá acompanhar na íntegra todo o debate.


Neste sábado (27), também será lançada a plataforma digital do processo. O site ‘Gestão Urbana’ reunirá informações, notícias e materiais da revisão do plano, além de abrir espaço para a população dar sugestões e idéias para o trabalho. “Em uma cidade como São Paulo, em um processo participativo, não podemos pensar somente nas atividades presenciais. É preciso multiplicar os canais”, afirmou Anderson Kazuo Nakano.


Plano Diretor Estratégico Aprovado em 2002, o Plano Diretor Estratégico (PDE) é composto de alguns itens para por exemplo, organizar o uso e ocupação do solo, regras de como construir nos terrenos, implantar prédios altos, fazer grandes construções e instalar as atividades.


Etapas do PDE 1ª Etapa – Avaliação Temática Participativa do PDE - O objetivo da 1ª Etapa é avaliar os resultados positivos e negativos do PDE.

2ª Etapa – Oficinas Públicas para Levantamento de Propostas e Contribuições - O objetivo da 2ª Etapa é levantar propostas e contribuições em oficinas realizadas nas 31 Subprefeituras. Propostas e contribuições também poderão ser enviadas através de um canal eletrônico.

3ª Etapa – Sistematização das Propostas e Contribuições Recebidas - O objetivo da é sistematizar e consolidar as propostas e contribuições levantadas para preparação da minuta de Projeto de Lei.

4ª Etapa – Devolutiva e Discussões Públicas da Minuta do Projeto de Lei - O objetivo é fazer a devolutiva em relação às propostas e contribuições levantadas e discutir a minuta do Projeto de Lei tanto em audiências públicas quanto através do canal eletrônico.

27/04 - Sábado 8h às 17h UNINOVE – Campus Memorial. Av Francisco Matarazzo, 364, Barra Funda. Manhã: Os Objetivos da revisão do PDE e a Cidade que Queremos Tarde: Uso e Ocupação do Solo

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais