Prefeitura assina termo de adesão à Política Nacional para a População em Situação de Rua

Compartilhar

 

Prefeito Fernando Haddad irá ministrar uma aula sobre o Programa de Qualificação Profissional da População em Situação de Rua

Por Secom

A Prefeitura formalizará nesta terça-feira a adesão à Política Nacional para a População em Situação de Rua. O evento será marcado pela assinatura do Termo de Adesão do Município, que prevê a criação de um Comitê Intersetorial e a construção e implementação da Política em âmbito local.

Participam do ato o secretário municipal de Direitos Humanos e Cidadania, Rogério Sottili, a ministra de estado chefe da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Maria do Rosário, além do prefeito Fernando Haddad, que após a assinatura do termo, ministrará uma aula magna do Programa de Qualificação Profissional da População em Situação de Rua pelo Pronatec, em parceria com o Senai/SP.

Comitê PopRua
O Comitê PopRua foi constituído na cidade de São Paulo em ato público realizado no dia 23 de março, no Salão Nobre da Faculdade de Direito da USP, no Largo São Francisco, e tem composição paritária entre governo e sociedade civil, com representantes das Secretarias Municipais de Direitos Humanos e Cidadania, Assistência e Desenvolvimento Social, Saúde, Trabalho e Emprego, Habitação, Educação, Serviços, Coordenação de Subprefeituras e Segurança Urbana.

Parceria com o SENAI
Na mesma ocasião a Prefeitura firmou parceria com o Senai/SP para criar o Programa de Qualificação Profissional da População em Situação de Rua, via Pronatec. A meta é garantir em um ano a profissionalização e empregabilidade para 2 mil pessoas em situação de rua que serão dividas em dez turmas. Alguns grupos já iniciaram as aulas, como é o caso dos cursos de eletricista instalador predial de baixa tensão e almoxarife. Nos próximos dias começarão as aulas de pedreiro e auxiliar administrativo.

Serão ainda oferecidos cursos profissionalizantes com duração de 160 horas nas seguintes carreiras: almoxarife, auxiliar administrativo, confeccionador de bolsas em couro e material sintético, confeccionador de bolsas em tecido, mecânico de bicicleta, mecânico de motores a diesel, padeiro; pedreiro de alvenaria estrutural, eletricista instalador predial de baixa tensão, encanador instalador predial, pintor de imóveis, vidraceiro, e aplicador de revestimento cerâmico.

A inscrição é feita pela rede de atendimento da Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Assistencial Social, que seleciona as pessoas em situação de rua que têm interesse e condições de freqüentar jornada de até 4 horas seguidas de aulas diárias. Ao final do primeiro mês de curso, o aluno recebe um auxilio bolsa-presença de R$ 2,00 hora/aula, condicionadas à sua freqüência. Além disso, os estudantes recebem uma refeição em cada aula e, caso necessário, têm auxílio-transporte.

Serviço
Ato de Adesão à Política Nacional para a População em Situação de Rua e Aula Magna do curso PRONATEC/PopRua
Data: 28/05, às 16h
Local: Escola SENAI "Roberto Simonsen", rua Monsenhor Andrade, 298, Brás.

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais