Encontro Zonal reúne 12 diretórios zonais das regiões norte e oeste

Compartilhar



 

Reuniões foram realizadas nos auditórios da Uninove e Colégio Brasil neste fim de semana (31/8 e 01/9)

Por DMPT-SP

O Diretório Municipal do PT de São Paulo realiza o terceiro e quarto Encontro Zonal dos oito previstos.

A reunião envolve os diretórios zonais da Vila Maria, Tucuruvi, Casa Verde, Santana e Jaçanã,

Freguesia do Ó, Pinheiros, Butantã, Lapa, Perdizes, Perus e Pirituba.

A presidenta, vereadora Juliana Cardoso, abriu o encontro apresentando os temas que foram debatidos. Entre eles o PED, processo de eleição direta do PT que escolhe em novembro os novos dirigentes nacional, estadual e municipal do partido e as Conjunturas Municipal e Nacional.

A presidenta lembrou que esses encontros foram marcados para aproximar e esclarecer os militantes do partido sobre a importância do partido se organizar e fortalecer para votação do PED, processo de eleição direta que irá escolher em novembro os novos dirigentes dos diretórios nacional, estadual e municipal do PT e se preparar para as eleições do próximo ano.

O secretário municipal das Subprefeituras, Chico Macena, falou sobre a Conjuntura Municipal. Macena fez um apanhado dos 8 meses de governo municipal e ressaltou a dificuldade que encontrou a prefeitura de São Paulo tanto no campo financeiro como administrativo e promessas e verbas orçamentárias que não saíram do papel na gestão passada.

Ele destacou ainda a importância do programa Arco do Futuro que envolve uma nova política de desenvolvimento para a cidade, principalmente sobre empresas que se instalarem em regiões com grande adensamento habitacional, como na Zona Leste ou ainda nos eixos das avenidas Jacu pêssego e Cupecê, que receberão incentivos fiscais para que as empresas se instalem nos locais com isenção de impostos; além da instalação de faixas e corredores de ônibus e a descentralização das subprefeituras.

Chico também destacou os 8 bilhões de reais do governo federal para as áreas de transporte, mobilidade urbana, mananciais, drenagem e habitação torna possível a realização de grandes obras prometidas durante campanha eleitoral.

“Mas o mais importante é mostrar para os habitantes dessa cidade qual é a marca do nosso governo. Um governo que articula e debate suas políticas públicas com a sociedade, movimentos sociais e partido, as questões relevantes e peculiares de cada bairro da cidade. Esse é o grande desafio dessa gestão do PT,” garante Macena.

Adriano Diogo, deputado estadual e presidente da Comissão Estadual da Verdade, exibiu o vídeo “30 anos de Anistia” sobre o golpe militar de 1964 e a ditadura militar e lembrou: “O PT por ter nascido em partido de esquerda e das classes operárias tem responsabilidade histórica na condução da política do nosso país e com o povo brasileiro, lembrando-se da atual situação pós-manifestações das ruas” afirmou o deputado.

O deputado federal José Mentor participou do encontro no domingo (1) no Colégio Brasil, zona norte da cidade. Mentor fez seu discurso defendendo a Reforma Política e destacando, principalmente, as contribuições eleitorais e também a democratização da mídia.

O deputado também falou sobre a situação atual que país está vivendo depois das manifestações de rua e deu um panorama sobre as eleições de 2014.

No final do encontro, a presidenta Juliana Cardoso abriu para a exposição de cerca de 20 pessoas que puderam expor suas dúvidas e críticas.

Estiveram presentes militantes, presidentes zonais e os vereadores Reis e Senival Moura.

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais