Gratuidade nos ônibus para passageiros a partir dos 60 anos começa hoje

Compartilhar

Decreto que regulamenta a Lei 15.912 garante que homens a partir de 60 anos possam utilizar as linhas de ônibus sem pagamento de tarifa. De acordo com a SPTrans, 39 mil pessoas serão beneficiadas

A partir desta segunda-feira (17) todos os cidadãos a partir dos 60 anos podem utilizar os ônibus municipais sem pagamento de tarifa. A Lei 15.912, sancionada pelo prefeito Fernando Haddad em 17 de dezembro, foi regulamentada na última sexta-feira (14) com a publicação de decreto no Diário Oficial da Cidade (DOC).

A SPTrans estima que 39 mil homens entre 60 e 64 anos deverão ser beneficiados com a nova lei. Anteriormente, a gratuidade ocorria somente a partir dos 65 anos. Para as mulheres, a legislação anterior já garantia gratuidade a partir dos 60 anos. Com a medida, o subsídio ao sistema terá acréscimo de R$ 57 milhões por ano.

O Estatuto do Idoso (Lei federal 10.741), de outubro de 2003, garante gratuidade para pessoas acima de 65 anos e determina que, na faixa etária entre 60 a 65 anos, o critério é estabelecido de acordo com as legislações locais.

Bilhete Único Especial
Para usufruir do benefício, o cidadão precisa ter o Bilhete Único Especial. O cadastro para obter o cartão pode ser feito em 24 postos diferentes da SPTrans na cidade, de segunda a sexta-feira, entre 8h e 16h.

O passageiro precisa levar original e cópia da carteira de Identidade (RG) e comprovante de residência de no máximo seis meses. A foto para o cartão é feita no local, no momento do cadastramento, sem custo. O cartão tem validade anual e deve ser renovado próximo à data de aniversário.

O cidadão a partir dos 60 anos que ainda não tem o Bilhete Único Especial também pode usufruir da gratuidade. Para isso, deve apresentar um documento com foto para o motorista ou cobrador e desembarcar pela porta dianteira. Atualmente, segundo a SPTrans, aproximadamente 600 mil idosos possuem o bilhete na capital.

Veja lista de postos para obter o Bilhete Único Especial 

Veja o decreto publicado nesta sexta-feira do Diário Oficial da Cidade 

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais