Prefeitura entrega primeiro trecho de duplicação da avenida Belmira Marin

Compartilhar

O prefeito Fernando Haddad vistoriou neste sábado (7) o trecho alargado de 1,5 km. Obras possibilitaram a implantação de faixa exclusiva para ônibus

O prefeito Fernando Haddad entregou neste sábado (7) o primeiro trecho da duplicação da avenida Belmira Marin, entre as avenidas Teotônio Vilela e Antonio Carlos Benjamim dos Santos, no Grajaú, zona sul da cidade. A obra, aguardada há décadas pela população do região, possibilitou a implantação de faixa exclusiva para ônibus nos dois sentidos da via. A etapa inaugurada tem 1,5 km de extensão.

Em vistoria ao trecho finalizado, Haddad conversou com comerciantes e moradores da região. Para o prefeito, a duplicação da avenida vai desencadear um processo de transformação no bairro. “É uma obra aguardada há pelo menos 20 anos. A Belmira Marin é uma avenida agora. Deixou de ser uma rua de bairro e virou a grande centralidade de todo Grajaú. O comércio vai melhorar. Empreendimentos vão surgir porque agora haverá um novo tipo de desenvolvimento”, afirmou Haddad.

Segundo a Secretaria Municipal de Transportes, a intervenção viária beneficiará cerca de 250 mil pessoas que circulam pela área. “As pessoas que usam o transporte coletivo demoravam 1h15 para fazer o trajeto do Grajaú até a [avenida] Teotônio Vilela. Agora, pelos cálculos da CET, conseguem fazer o percurso em 15 minutos. Então há um ganho de uma hora na ida e uma hora na volta, o que representa uma fantástica melhoria de qualidade de vida”, explicou o secretário Jilmar Tatto (Transportes).

Com a entrega da duplicação, a avenida passou a ter 2,7 quilômetros de faixa exclusiva de ônibus. A exclusividade funciona de segunda a sexta-feira, das 5h às 20h, e aos sábados, das 5h às 14h. Pela Belmira Marin circulam 23 linhas de ônibus que transportam, em média, 202 mil pessoas nos dias úteis.

A vendedora Jéssica Carina, 24 anos, conta que quem mora e trabalha na região já sentiu a diferença na velocidade dos trajetos. Ela mora no Jardim Gaivotas, zona sul, e trabalha em uma loja de produtos esportivos localizada no trecho duplicado. “Voltando para casa pela Belmira já cheguei a demorar no ônibus uma hora para andar quatro quarteirões. Hoje levo meia hora para ir de casa para o trabalho”, disse Jéssica. Os comerciantes da região esperam também um aumento de movimento. “Tivemos uma boa recompensa, valorizou aqui e a avenida ficou bem bonita”, opina a vendedora.


Obras

As obras da Belmira Marim, iniciadas em janeiro de 2014, incluem alargamento da via, novo asfalto e instalação de novas guias. Há ainda trabalhos complementares, como execução ou reforma de bocas de lobo e poços de visita, redes de drenagem, realocação de postes e implantação de sinalização horizontal, vertical e semafórica.

No final de março, em visita ao bairro do Grajaú, o prefeito Fernando Haddad, acompanhado do secretário municipal de Transportes, Jilmar Tatto, autorizou o início do segundo trecho da obra, da avenida Antonio Carlos Benjamim dos Santos até a rua São Caetano do Sul. O alargamento está em andamento. O valor total das obras dos dois primeiros trechos é de quase R$12 milhões.

Está em fase de projeto um terceiro trecho de 2,2 quilômetros, entre as ruas São Caetano do Sul e Pedro Escobar.


Faixa exclusiva

Com a nova faixa exclusiva implantada na Belmira Marin, a cidade alcançará 331,6 quilômetros de vias com espaço exclusivo para o transporte público. No sentido do centro para o bairro a avenida tem 1,35 quilômetro de exclusividade, entre as avenidas Senador Teotônio Vilela e Antônio Carlos Benjamin dos Santos. No sentido oposto, a faixa tem a mesma extensão e funciona da rua Isabel Aguiar de Campos até a avenida Senador Teotônio Vilela. A ativação passa agora por um período de adaptação, quando os agentes de trânsito irão orientar os motoristas a não invadirem o espaço nos horários definidos para a exclusividade dos ônibus.

 

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais