Recordando - O que é a São Paulo Aberta?

Compartilhar

 

O que é Governo Aberto?

Governo Aberto é um conjunto de iniciativas articuladas de transparência, participação, inovação e integridade nas políticas públicas.

A cidade de São Paulo implementa esta agenda ao desenvolver estratégias para:

- Ampliar os processos de participação na tomada de decisões;
- Garantir a transparência, por meio do acesso às informações públicas;
- Desenvolver processos que estimulem a integridade e reponsabilização do poder público e seus agentes;
- Fomentar a criação e uso de ferramentas de inovação tecnológica e social.

Sobre governo aberto em São Paulo

A Prefeitura de São Paulo inovou ao construir uma agenda de governo aberto municipal. É uma das primeiras cidades do mundo a incorporar, de forma integrada, a transparência, participação social, inovação tecnológica e integridade nas políticas públicas.

Governo aberto tornou-se uma das prioridades desta gestão e a iniciativa municipal da temática, intitulada São Paulo Aberta, foi criada pelo Decreto nº 54.794 de 28 de Janeiro de 2014. São Paulo Aberta também se tornou a meta 116 Programa de Metas da administração Fernando Haddad (2013-2016).

Para consolidar, em políticas públicas, os quatro conceitos de governo aberto foi instituído o Comitê Intersecretarial de Governo Aberto da Cidade de São Paulo (CIGA-SP), no mesmo decreto de criação da São Paulo Aberta, instância responsável pelo cumprimento da Meta 116 e promoção de uma série de ações de governo aberto.

Histórico

Durante muito tempo, a cidade de São Paulo careceu de políticas que valorizassem a participação dos paulistanos nas políticas públicas da capital. A Prefeitura confinava seus dados, era avessa á participação social, atrasada — do ponto de vista tecnológico — e não criava ações para garantir e ampliar a integridade do poder público. Era uma grande caixa preta. Esse cenário começou a mudar com o início da gestão Fernando Haddad, no dia 1 de janeiro de 2013. A partir dessa data, diversas iniciativas foram lançadas com o objetivo de aproximar a prefeitura do cidadão e da cidadã e tornar o poder público da maior cidade brasileira mais transparente, inovador, íntegro e participativo.

A partir do Seminário São Paulo Aberta, realizado entre os dias 23 e 27 de outubro de 2013, inicia-se o processo de criação da São Paulo Aberta. O esforço inicial foi articular os órgãos públicos que desenvolviam iniciativas isoladas de participação social, inovação tecnológica, integridade e transparência e integrá-las em ações articuladas de governo aberto. Para que essas iniciativas pudessem contar com um ambiente institucional permanente foi criado, em janeiro de 2014, o Comitê Intersecretarial de Governo Aberto (CIGA/SP).

Ainda em 2014, a prefeitura realizou o Café Hacker do Portal São Paulo Aberta, um momento participativo para discutir os objetivos, ferramentas e linguagem do Portal São Paulo Aberta

Além dessa iniciativa, o subgrupo de ações territoriais do Comitê organizou a primeira etapa de formação sobre governo aberto dos Conselheiros Participativos Municipais.

Clique aqui

 

Fonte: São Paulo Aberta

Últimos artigos

Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais
Rui Falcão: As alternativas do PT para a Previdência
segunda, 13 março 2017, 19:03
  Em meio às manifestações contra o desmonte da Previdência (e foi notável a reação das mulheres no 8 de março, dia de luta também contra o conservadorismo e a violência), abre-se agora o debate sobre qual a melhor tática... Leia Mais