Prefeitura e governo do estado firmam acordo para construção de moradias populares

Compartilhar

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), e o governador do estado, Geraldo Alckmin (PSDB), assinaram, nesta segunda-feira (23), o contrato da primeira parceria público-privada (PPP) de habitação social do país, voltada à criação de 3.683 moradias na região da Barra Funda, zona oeste da capital. A meta é chegar a 20 mil unidades.

A empresa Canopuz Holding venceu a concorrência para construir as moradias. O contrato prevê 2.260 unidades destinadas a famílias com renda de até seis salários mínimos, obrigatoriamente do estado de São Paulo. As outras 1.423 serão direcionadas a famílias com renda entre seis e dez pisos salariais.

As primeiras habitações serão compostas por dois dormitórios e área mínima de 43m². Do total, 80% das unidades serão destinadas a pessoas que trabalham no centro, mas residem nas periferias. Os 20% restantes ficarão para quem mora e trabalha no centro da cidade.

“O centro de São Paulo tem sido alvo de empreendimentos imobiliários. Mas nós temos que mixar o centro, abrir para todas as camadas sociais. O mesmo centro que abriga apartamentos de alto padrão vai abrigar pessoas de baixa renda”, afirmou Haddad.

Para Alckmin, o projeto influenciará também na questão do transporte. “Esta é uma PPP inovadora, que aproxima os trabalhadores do emprego, o que ajuda na mobilidade urbana. Ajuda a aproveitar a boa infraestrutura que temos no centro. Pretendemos fazer a medida crescer. A prioridade é para quem não tem casa e trabalha no centro”, disse.

Fonte: Spresso SP

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais