Itaquera dá nota dez ao Programa Hora Certa Móvel

Compartilhar

 

“Nota dez”. É essa a avaliação da comerciante Luzia Kakuko Ichikawa Atsuta, moradora de Itaquera, sobre o atendimento na unidade móvel da Rede Hora Certa Itaquera, onde ela realizou exames de colonoscopia e endoscopia. Das 35 mil vagas de exames oferecidas pela unidade móvel do programa no bairro, 21.720 correspondem somente a ultrassonografias. O crescimento também ocorreu na oferta à população de ecocardiografias transtorácicas e esofagogastroduodenoscopias, entre outros exames.

Diabética, mãe de três filhos, Luiza tem histórico de câncer na família. Por isso, valoriza a prevenção. “Em menos de um mês fiz todos os exames pedidos pelo médico da unidade. Até me assustei com a rapidez [risos]”, conta.

Apoiadora do programa Hora Certa Móvel, ela também elogiou o Hospital Dia São Miguel. “Realizei minha mamografia naquela unidade, em 13 de maio. E antes estive em Guaianases, onde estava a carreta para realizar ultrassonografia transvaginal”, disse. “Não tenho do que me queixar. Tudo gente bacana, que atende muito bem”, afirma.

A Unidade Móvel Itaquera, que atende de segunda a sábado, das 7h às 17h, oferece exames de endoscopia, ultrassonografia, nasofibrolaringoscopia, eletroneuromiografia, colonoscopia e ecocardiograma.

Ivo Carlos, morador de Itaquera e conselheiro de saúde, também destacou a rapidez na realização dos exames e acolhimento recebido no serviço. “Em mais ou menos uma hora já havia realizado os exames e recebido os resultados. Nada grave, apenas uma pequena irritação. A equipe do atendimento é sorridente. A recepção é acolhedora. Você sai satisfeito. É um atendimento de excelência”, salientou.

Na avaliação de Carlos, o programa Rede Hora Certa reduz de fato a espera por exames e consultas de especialidades. “E isso é muito bom”.

Maior oferta

Os exames de ultrassonografias (abdômen, próstata, tireoide, mamária bilateral e outras) foram disponibilizados no período de 13 de abril e 31 de julho deste ano. Somente na oferta de ultrassonografias, que passou de 3066 para 7390, o crescimento foi de 241%.

O crescimento também ocorreu na oferta de ecocardiografia transtorácica (81% entre abril e julho), passando de 640 para 1.160 vagas. Os exames de esofagogastroduodenoscopia saltaram 67%, passando de 840 para 1.400 vagas ofertadas. Com a elevação da oferta, o serviço contabilizou 1.248 vagas para eletroneuromiografia e 1.785 de colonoscopia – antes de abril estavam entre as principais demandas por exames ao lado das ultrassonografias - registraram aumento médio de 40% em número de vagas disponíveis.

“Uma outra grande vantagem do projeto é a oportunidade de o paciente já sair com o resultado/laudo dos exames no mesmo dia”, afirma Raquel D'Elia, supervisora técnica de Saúde de Itaquera.

A carreta do Hora Certa está instalada desde o dia 13 de abril na área do estacionamento da UBS Jardim Brasília. Raquel diz que ela torna o serviço bastante acessível à população. “Por ser divisa com a Coordenadoria Sudeste, o local onde instalamos a unidade móvel possibilita não apenas o atendimento das demandas da população de Itaquera, mas também de Artur Alvim, Penha, Vila Matilde, Sapopemba e demais distritos da Leste”, afirma a gestora.

Além de beneficiar a população de mais de meio milhão de pessoas que vivem nos distritos de Itaquera, a medida garante cobertura a pessoas de outras regiões, conforme preconiza o Sistema Único de Saúde (SUS) na diretriz da universalidade.

Os agendamentos para os exames e/ou procedimentos são realizados por meio do agendamento da Unidade Básica de Saúde (UBS), atendendo ao grau de prioridade em fila de espera. O paciente retira o comprovante do agendamento na UBS onde é acompanhado juntamente com as orientações e protocolo para a realização dos exames.

Redução da fila

Para reduzir a fila de espera por exames de especialidades, a Coordenadoria de Saúde da Região Leste levou em 2013 a unidade do Hora Certa Móvel para Ermelino Matarazzo e São Mateus. De setembro a dezembro, o serviço permaneceu em Ermelino Matarazzo e seguiu posteriormente para São Mateus, onde ficou até abril. Entre 12 de maio de 2014 e 10 de abril de 2015, permaneceu em Guaianases e, em 13 de abril, foi instalado em Itaquera, na UBS Jardim Brasília.

Segundo a coordenadora da Regional de Saúde Leste Claudia Afonso, entre agosto de 2013 e junho de 2015, a redução da fila de espera na Leste por exames foi em média de 68%. Em agosto de 2013 havia uma fila de 60.642 exames de imagens.

De acordo com a Regulação da CRS Leste, em regiões como Cidade Tiradentes e Guaianases o programa Hora Certa Móvel proporcionou uma redução de 86% da fila por exames. Já em São Mateus, onde em 2013 mais de 16 mil exames aguardavam agendamento, a unidade móvel promoveu um recuo na fila de 82%.

 

Fonte: Por Cecilia Figueiredo (colaborou Vanessa Santos) - Secretária Municipal da Saúde

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais