Por que Haddad? 27 motivos com provas e com convicção!

Compartilhar

 

 

Ônibus
Os cidadãos podem dizer com convicção: Fernando Haddad é o melhor prefeito que São Paulo já teve. Confira 27 provas:
1. Quatro horas a menos no trânsito com as faixas exclusivas. Você ganha, o trânsito ganha, a cidade vive!
Os corredores implantados na cidade entre 2013 e 2016 fizeram com que os usuários e usuárias economizassem QUATRO horas por semana no trânsito. Para se ter uma ideia, com quatro horas a mais por semana você pode ver mais dois jogos do seu time preferido, gastar 1.500 calorias pedalando pela cidade, encontrar com a família no jantar e assistir sua série predileta do começo ao fim. Isso é mais qualidade de vida para quem depende do transporte público.
2. Estudante de baixa renda? Em São Paulo seu passe é livre!
Felicidade-Copia

O Passe Livre é uma realidade para o estudante paulistano. São mais de meio milhão de estudantes (637 mil) da rede pública que não pagam para usar ônibus em SP! Em 2014 eram 505 mil estudantes de baixa renda em São Paulo podendo pedir o passe livre estudantil.

3. Nova frota de ônibus com wi-fi e ar condicionado. Sufoco nunca mais… Nem com a bateria do seu celular!
Aquela postagem no Facebook e aquele WhatsApp voltando do trabalho ficaram bem mais fáceis nos novos ônibus com wi-fi. Além disso ainda tem 848 novos ônibus com ar-condicionado para ninguém ficar sufocado no calor, 427 com tomadas USB para dar uma sobrevida na sua bateria do celular e 334 com recarga do bilhete no próprio ônibus.
4. Bilhete Único Mensal: Viagens ilimitados, custo fixo e nenhuma surpresa com os créditos do seu cartão.
Ônibus(12)
Para você não ter mais surpresas ao entrar no ônibus e perceber que o seu bilhete único está sem crédito nós criamos o Bilhete Único Mensal. Com R$140 reais por mês você pode fazer quantas viagens quiser, conhecer a cidade toda, passear aos finais de semana e esquecer aquele frio na barriga antes de passar pela catraca.
5. Ônibus de graça para quem já passou dos 60: Em São Paulo tem!

As pessoas da terceira-idade sabe da diferença que a gratuidade dos ônibus fez na sua vida. Foi pensando nisso que baixamos de 65 para 60 anos esse benefício que já contempla mais de um milhão de usuários em São Paulo.

6. Sua carona te largou na balada?! Vem comigo no busão da madrugada!
Voltou da balada antes das 4h40? Saiu do trabalho mais tarde? Trabalha de noite e precisava esperar horas e horas por aquele metrô que nunca chegava? Pois então saiba que você não precisa mais se preocupar.
Desde de Fevereiro de 2015, funcionam em São Paulo 151 linhas das 0h às 5h da manhã, levando e trazendo quase 1 milhão de pessoas.
7. Terminal urbano em Itaquera e mais de 180km de faixas exclusivas de ônibus. Transporte rápido, seguro e confortável!
2014-10-21-co-terminal-itaquera-10
Além dos 41 km de corredores de ônibus – que são posicionados nos canteiros centrais das vias –, mais 143km estão sendo feitos. Por eles passam ônibus, táxis com passageiros, viaturas de polícia, bombeiros e ambulâncias, agilizando o trafego e reduzindo o tempo de viagem.
Além disso, Itaquera também ganhou um terminal urbano, facilitando a vida de quem precisa do transporte público.

8. Redução da velocidade máxima salvou 247 vidas.
Alguns km/h a menos – muitas vidas a mais!
13174111_510340899164352_2627265947248012632_n
9 mil pessoas a menos sofreram acidentes graças à redução da velocidade média das marginais. Se falarmos de vidas salvas esse número atinge a marca de 247 pessoas. São 247 pais, mães, filhos, filhas, maridos e esposas que puderam chegar em casa no fim do dia e abraçar sua família. Quem salva uma vida salva o mundo inteiro, e nosso objetivo é salvar ainda mais, além dos 20,6% já reduzidos, mortes no trânsito paulistano.
9. Convivência no trânsito – cidade mais amigável para todas e todos.
Um trânsito mais amigável passa também pela divisão dos espaços de cada meio de transporte. Imagine viver numa cidade onde os pedestres precisam andar na rua? Por isso a nossa gestão trabalhou para que a convivência entre os modais fosse mais harmoniosa. Os mais de 316km de ciclovias, que hoje protegem 12% dos paulistanos para ir e voltar do trabalho tornou essa convivência mais segura para quem usa bicicleta, diminuindo e
m 34% as mortes de ciclistas na nossa cidade e convidando cada vez mais pessoas a usarem o pedal como meio de transporte!

10. As calçadas, caminho obrigatório de praticamente toda e todo paulistano, agora estão ainda mais acessíveis!

Aqueles tempos de aventura nas calçadas paulistana estão bem mais distantes do que há quatro anos atrás. Os mais de um milhão de m2 de calçadas reformadas tornaram além de mais seguras, muito mais acessíveis às pessoas com deficiência.
11. 1 é pouco. 2 é bom. E 3 é melhor ainda! Por isso, entregaremos 3 . novos hospitais em São Paulo.
2015_10_07_lr_VisitaHospitalParelheiros_Alta_1366

São Paulo ganhará três novos hospitais. Um já concluído, na Vila Santa Catarina, outros dois em obras: Brasilândia, atendendo a uma demanda histórica da população; e, Parelheiros. Com essas entregas a rede municipal de saúde ganhará 771 novos leitos modernos e mais próximos da população.

12. Reformando hospitais, melhorando o atendimento na saúde e aumentando os leitos!

Haddad_Padilha_HoraCerta_SP_0299
Além dos três hospitais sendo entregues pela prefeitura, reformamos mais nove. Essas reformas aumentarão em 294 leitos a capacidade da rede municipal de saúde, sendo 29 em UTIs e 65 psiquiátricos.
13. Rede hora certa agiliza os atendimentos e aumenta a rede de atendimento de São Paulo.
Haddad_Padilha_HoraCerta_SP_0300(1)
A Rede Hora Certa é um programa da nossa gestão que pertence à rede de atendimentos da prefeitura. Com equipamentos para apoio diagnóstico e terapêutico, a Rede Hora Certa ganhou 22 novas unidades nos últimos 3 anos e meio, agilizando o atendimento de saúde. Além das 22 unidades entregues, mais 18 estão em obras, 432 foram readequadas e 26 nos equipes da Saúde da Família foram criadas.
14. Consulta médica? Com duas semanas de espera a menos? SIM, São Paulo tem!

Meses de fila? Nem pensar!
Com o aumento do número de consultas na rede municipal de saúde o tempo médio de espera caiu para 19 dias (duas semanas mais rápido), aumentando a capacidade de atendimento para 1 milhão de consultas a mais em 2015.

15. Mais médicos na rede municipal de saúde!

Além dos 262 participantes do Programa Mais Médicos que passaram a atender em nossa cidade, se atentando ao primeiro atendimento na casa das pessoas que não podem ou não costumam ir aos postos de atendimento, abrimos um concurso público com 1.090 vagas para médicos.

16. Batemos o recorde de entregas de creches numa gestão… Mas isso é só o começo!

Criança-Copia
375 novas creches em São Paulo. Esse número, além de ser um recorde de entrega de aparelhos de educação na cidade, representa 1 nova creche a cada 2 dias, abrindo 94 mil novas vagas, com 77,5 mil crianças atendidas.
Também foram abertas 16,5 mil novas vagas para a criançada da pré-escola, o que reduziu a fila da educação em 26%.

17. Agrotóxicos? Comida seca? Mata-praga? Na merenda de nossas crianças, a realidade é outra!
Mercadão
A nossa administração firmou uma parceria com pequenos produtores rurais para o abastecimento de alimentos na rede municipal de educação. Os alimentos são orgânicos, mais saudáveis, mais saborosos e, de quebra, essa parceria ainda fortalece o trabalho dos pequenos agricultores da nossa cidade.

18. A maior rede pública de cinema do Brasil é a de São Paulo!
Cinema

Inauguramos em nossa administração a maior rede pública de cinema do Brasil – segunda maior rede de cinemas de São Paulo só atrás do Cinemark – com 6477 lugares espalhados por 14 salas de cinema por toda cidade. Em 2016, primeiro ano de funcionamento do Circuito SP Cine, a expectativa de publico é de 960 mil pessoas, com filmes nacionais, premiados e grandes estreias. Aproximando a sétima arte de quem nunca tinha entrado numa sala de cinema.

19. Serpentina e confete, para pular o maior carnaval de rua que São Paulo já viu!

Foliões e folionas de todo Brasil reconheceram em São Paulo, um dos grandes berços da festa do samba, um destino certo para pular o carnaval de rua.
91% de quem foi pra rua jogar serpentina, se fantasiar e brincar o carnaval aprovaram a abertura e regulamentação dessa festa que se espalha pela cidade com mais de 350 novos bloquinhos e blocões entre 2012 e 2015.
Tão bom quanto pular o carnaval

em São Paulo foi ter a prova de que o investimento nessa festa dá um retorno certo para a cidade: a cada R$ 1 milhão investido no carnaval de rua, R$ 38 milhões retornaram para os cofres da prefeitura, movimentando mais de R$ 400 milhões de reais em turismo e serviços. Sucesso!
20. Parques, parques e mais parques!
Mais espaços de lazer, mais espaços de prática de esportes, mais áreas verdes com atrações culturais. Com o Parque Chácara do Jockey, Centro Esportivo Tietê e do Centro de Esportes radicais, São Paulo ganhou 231,5 mil m² de áreas verdes.
—-
21.Adeus plano 3G. Benvindas praças com wi-fi livre!
Wifi
Já ouvi, certa vez, a expressão “Você sabe que está em casa quando o Wi-Fi conecta direto”.
Pois paulistanos e paulistanas de todos os distritos podem chamar São Paulo de casa! As mais de 120 praças digitais, uma em cada um dos 96 distritos, mais 24 em pontos de circulação no centro garantem 2,5 milhões de acesso por mês à internet livre e gratuita. Assim você economiza seus dados e ainda interage com os espaços públicos da nossa cidade.

22. Iluminação de LED – Economia, luz e segurança!
haddad-780x440

Segurança pública é um tema muito abrangente, delicado e que demanda sempre muita atenção do gestor público. O que pouca gente se lembra é que a iluminação das vias é peça fundamental na luta contra o crime.
Mais de 70 mil luminárias LED – que reduzem em 50% o consumo de energia e duram quase três vezes mais do que as lâmpadas convencionais – foram instaladas por toda cidade, com prioridade para os bairros de periferia, trazendo mais segurança para a população!
—-

23. Cidade aberta, ruas abertas e corações abertos para uma São Paulo muito mais humana!
11057226_10156036476715171_2021456536260068182_n

O programa Ruas Abertas convidou as pessoas de 29 regiões da cidade para brincarem, passearem, conversarem e conviverem e viverem a cidade aos domingos com outros cidadãos e cidadãs nas ruas convertidas em espaços de lazer. Além de abrir a cidade às pessoas, o Ruas Abertas ainda valoriza o que de melhor nossa cidade tem: a diversidade, a democracia do espaço público e a riqueza urbana!

24. Lutamos contra a corrupção e recuperamos quase R$ 605,2 milhões para São Paulo!

A corrupção é intolerável em TODOS os sentidos. Uma gestão transparente, eficiente e participativa é dever de todo e qualquer gestor público ou privado.
Em três anos e meio nós combatemos a corrupção com unhas e dentes. Desmontamos o esquema da máfia do ISS, e, averiguando as irregularidades na Operação Urbana Água Espraiada – que se deu entre 1993 e 1996 – recuperamos mais de R$ 279 milhões para os cofres públicos. Além disso, realizamos 185 auditorias em contratos que trouxeram de volta mais R$ 50 milhões, resultando numa recuperação de quase de R$ 330 milhões que foram usados para investir ainda mais em nossa cidade!
—-

25. Renegociação da dívida pública – R$ 25 bilhões de redução!

Em um grande esforço junto ao governo federal, arrumamos a casa e renegociamos a dívida de São Paulo, reduzindo seu custo em R$ 25 bilhões. Isso representa metade do orçamento da cidade em um ano!
Além disso reestruturamos as finanças da prefeitura, permitindo uma redução de 50% das despesas correntes, otimizando os investimentos, reduzindo os gastos e aplicando mais que o dobro de recursos na cidade, em média, do que nos últimos 14 anos.
—-

26. De Braços Abertos para reduzir os danos e ajudar quem quer deixar as drogas.
BraçosAbertos
A dependência química em relação às drogas é algo nefasto não só para o usuário, mas também para sua família. O Programa De Braços Abertos, que oferece moradia e oportunidade de trabalho para dependentes de crack, é uma tentativa de reduzir os danos causados pelo consumo excessivo da droga tanto para o beneficiário como para sua família, dando condições para que o usuário que quer deixar as drogas reconstrua sua vida com acompanhamento médico, psiquiátrico e com a ajuda da família.
27. Trans.formadas pela cidade. Trans.formando a cidade! Esse é o Transcidadania.

O Programa Transcidadania oferece bolsas de estudo para travestis e transexuais em situação de vulnerabilidade social. Com carga horária de 3

0 horas semanais de estudo no ensino fundamental, médio, profissionalizante ou de estágio de trabalho, o Transcidadania dá a oportunidade para que transexuais e travestis entrem no mercado de trabalho e deixem a situação de vulnerabilidade – muitas vezes encontradas no ofício da venda de serviços sexuais.
 
Fonte: Portal Haddad

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais