Na noite da virada, militância se reúne com Lula pelo "Haddad fica"

Compartilhar

 

Lula e Haddad fizeram grande ato na Casa de Portugal em defesa da cidade e da democracia em preparação para o segundo turno

ctznimow8aagfki
 
"Até domingo, a bola está rolando em campo, o juiz não apitou, nós vamos para as ruas!”, afirmou o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, a milhares de apoiadores da sua reeleição na noite desta terça-feira (27), na Casa de Portugal, no centro da cidade.

Ao lado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Haddad pediu que a militância se engaje até domingo (2) para virar mais votos e garantir um novo mandato: “Vamos para a rua, vamos ganhar eleição. O presente é São Paulo!”.

“O que está em jogo é se a gente continua rompendo um paradigma atrasado e avançando na ocupação do espaço público, na interação humana, ou se vamos retomar o projeto velho que recusamos em 2012 com a eleição”, disse o prefeito.

Foto: Paulo Pinto/Agpt
 

Afirmou também que “vai ser muito divertido ir para o segundo turno” porque os cidadãos vão discutir dois projetos claramente diferentes em disputa.
“Eu sonhava que todas as pessoas se sentissem em casa quando saíssem na rua em São Paulo. Este é o ideal de cidade que todos nós deveríamos ter presente (…) Quanto a mim, tenho certeza de que não quero abrir mão deste sonho. Quero por o pé na rua e me sentir em casa”, disse Haddad.

Segundo o prefeito, este conceito de cidade significa lutar contra injustiças e incluir pessoas que historicamente não tinham visibilidade, como os beneficiários do programa Transcidadania, por exemplo. É fazer políticas para dependentes químicos da região da Luz, como o De Braços Abertos e tornar 32 ruas abertas para a população usufruir.

Foto: Paulo Pinto/AGPT

Foto: Paulo Pinto/AGPT

Para o prefeito, não faz sentido acreditar em pesquisas que mostrem seu nome derrotado no primeiro turno: “Em 2012, todos os instituto de pesquisas nos davam fora”.

Haddad chegou com Lula à Casa de Portugal, que estava com sua capacidade lotada – pelo menos duas mil pessoas no auditório. Do lado de fora, ficaram militantes que não conseguiram entrar e acompanharam o ato pela calçada.

O ex-presidente afirmou que Haddad é o prefeito que representa a luta contra o golpe e contra os retrocessos no país. “Temer e seus aliados Marta, Doria e Russomano querem congelar os investimentos na Saúde e Educação por 20 anos. Haddad faz o contrário”.

“Os mesmos que achavam que iam me derrotar em 2006, derrotar a Dilma em 2010 e 2014, agora pensam que podem derrotar Haddad. Vão cair do cavalo, porque Haddad vai ser prefeito de São Paulo outra vez, para terminar a obra que ele começou”, disse.

O ex-presidente falou sobre a importância de ir para as ruas nos últimos quatro dias antes das eleições para debater a melhor política para a cidade, sem ódio e com alegria. “Urna não é lugar de depositar ódio, é lugar de depositar sonhos! E nós vamos juntos até a vitória do Fernando Haddad”, reforçou Lula.

Foto: Paulo Pinto/AGPT

Foto: Paulo Pinto/AGPT

Apoiadores

Estavam presentes o presidente nacional do Partido dos Trabalhadores, Rui Falcão, o senador Lindbergh Farias (PT-RJ), o deputado federal Vicente Cândido ( PT-SP), deputada estadual Leci Brandão (PCdoB-SP) e o vereador de São Paulo Paulo Fiorilo (PT).

A vice-prefeita Nádia Campeão, o candidato à vice-prefeito, Gabriel Chalita, Ana Estela Haddad, coordenadora do programa São Paulo Carinhosa, também acompanharam Haddad.

“Quem aqui está sentido o cheiro da virada da vitória (…) “Nosso ato é decisivo para unificar nossos esforços e levar Haddad para o segundo turno no domingo”, disse Nádia aos militantes.

O escritor e jornalista Fernando Morais foi ao evento e prometeu virar muitos votos até domingo. “Haddad é o melhor prefeito que São Paulo teve”, afirmou. Estamos correndo o risco de entregar as duas maiores cidades do Brasil aos golpistas, a gente comprometida com o golpe. Prefeito, está na hora de a esquerda dar exemplo de unidade e de humildade. Não podemos entregar o Rio e São Paulo à direita”.

Também no palco, a cineasta Tata Amaral argumentou seu voto:  Haddad ocupou a cidade com arte.

Poeta Sérgio Vaz: “Haddad é a pessoa certa para continuar mudando esta cidade”.

“Este é um momento único da história do nosso país, em que se faz necessário emplacar uma derrota para a direta brasileira. Em São Paulo, o golpismo é representado pelo Russomano, pela Marta e pelo Doria”, afirmou militante do MTST Natalia Szermet. 

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais