Faixas exclusivas de ônibus são aprovadas até por quem usa carro

Compartilhar

Quem não gostaria de chegar em casa ou no trabalho 38 minutos mais cedo todos os dias? E quem não gostaria de utilizar ônibus que estão 48% mais rápidos - saíram de tímidos 13,8 km/h de velocidade média para 20,4 km/h?

Esses são alguns dos benefícios que as faixas exclusivas destinadas aos coletivos estão trazendo. Localizadas à direita do viário, há pouco mais de um ano vêm sendo implementadas e, aliadas ao ganho de tempo, estão contribuindo para mudar a cultura do uso do espaço público.

Vamos a mais uma conta: é razoável priorizar ações para o transporte individual, que atende 1,4 ocupante por veículo, enquanto um ônibus pode servir até 200 pessoas?

Na cidade de São Paulo, vivemos em um universo de 15 mil quilômetros de vias asfaltadas, com uma frota de 7,4 milhões de veículos. Assim que chegamos à prefeitura, em janeiro do ano passado, constatamos que havia uma intensa disputa nas grandes ruas e avenidas entre os ônibus, hoje com 1345 unidades, os carros e os caminhões.

 

Elisa Rodrigues/Secretaria Municipal de Transportes de São Paulo É razoável priorizar ações para o transporte individual, que atende 1,4 ocupante por veículo, enquanto um ônibus pode servir até 200 pessoas? Jilmar Tatto, secretário municipal de transportes de São Paulo, sobre as faixas exclusivas para ônibus na capital paulista
 
 

Era uma quase barbárie. Os veículos menores, que têm a opção de outros trajetos, praticamente impediam a circulação dos coletivos.

A questão da mobilidade já estava presente no programa de governo apresentado à população durante a eleição, em 2012. Entre as várias questões, prevíamos a necessidade de construir 150 quilômetros de corredores de ônibus, à esquerda das vias, e igual extensão de faixas.

Por determinação do prefeito Fernando Haddad, partimos de imediato para o levantamento dos locais onde poderíamos atender a maioria da população, aquela que usa o transporte público.

Últimos artigos

Por Rui Falcão: Uma semana decisiva que culmina dia 28
segunda, 24 abril 2017, 18:14
    O PT apoia e participa da greve geral nesta sexta-feira, e sua Executiva Nacional estará em Curitiba dia 2 de maio, em homenagem à festa da democracia do dia 3   Paulo Pinto/Agência PT Ato preparatório para a greve geral do... Leia Mais
Por Rui Falcão: A necessidade de derrubar Temer e eleger Lula
terça, 18 abril 2017, 15:08
  Nosso caminho é aumentar as mobilizações, repelir o canto de sereia dos acordos por cima, defender os direitos e lutar pela antecipação das eleições   A impopularidade e o descrédito crescentes de Temer & seus asseclas; a... Leia Mais
Simão Pedro Chiovetti: A gestão Doria – vender SP
quarta, 12 abril 2017, 16:37
  Doria em menos de 100 dias demonstrou que não tem apego algum por SP e muito menos pelos paulistanos da periferia e classe média   Próximo de completar apenas 100 dias à frente da Prefeitura de SP, já é possível perceber que as... Leia Mais
Por Vitor Marques: 100 dias de governo João Doria: a São Paulo virtual e a São Paulo real
quarta, 12 abril 2017, 15:06
  Empossados os novos governos, via de regra, é esperado que a população tenha uma receptividade e uma tolerância maior com aqueles que estão iniciando a nova gestão. Este período é conhecido no vocabulário político como “lua... Leia Mais
Por Emídio de Souza: Algo está errado
terça, 11 abril 2017, 21:35
  Algo está errado. Contrariando a tradição da política brasileira, um partido chama seus filiados a debater seu futuro e escolher seus dirigentes. Mais de 250 mil atendem ao chamado e, sem serem obrigados, vão às urnas em quase 4... Leia Mais