Após aumento de velocidade de Doria, acidentes aumentam 51%

Compartilhar

 

Prefeito tucano elevou velocidade nas marginais Tietê e Pinheiros; atropelamentos aumentaram em 300%

 

Foto: Cesar Ogata/ Secom

Prefeito João Dória em coletiva sobre mudanças nas marginais

conseguiu bater um novo recorde: no mês de março, foram registrados 143 acidentes com vítimas nas marginais Tietê e Pinheiros, as duas principais vias expressas que cortam a cidade. O número é o maior desde o início da série histórica da estatística da Polícia Militar.

Segundo dados publicados pelo jornal “Folha de S. Paulo”, o número de acidentes nas marginais cresceu em 51% desde que João Doria (PSDB) aumentou a velocidade nas vias. Um destaque foram os atropelamentos, que cresceram em 300%.

No aniversário da cidade, Doria elevou a velocidade das pistas local, central e expressa de 50 km/h, 60 km/h e 70 km/h, respectivamente, para 60 km/h, 70 km/h e 90 km/h.

A redução da velocidade foi um ato da gestão do ex-prefeito Fernando Haddad (PT), o que possibilitou a diminuição no número de acidentes e a melhoria do fluxo nas pistas. Com o novo aumento de Doria, o que aconteceu foi o oposto.

Além dos atropelamentos, acidentes com caminhões cresceram 108%, com motos, 60% e, com carros, 10%. Foram cinco acidentes com vítimas fatais.

O Detran divulgou que estatística da OMS (Organização Mundial da Saúde) de que um aumento de 5% da velocidade média amplia em 10% os acidentes com lesões e de 20% a 30% as colisões fatais.

Segundo a organização, o risco de um pedestre adulto morrer se atingido por um carro a menos de 50 km/h é de 20%. A chance de letalidade sobe para 60% se a pessoa for atropelada a 80 Km/h.

Mesmo com todas as evidências, Doria negou a correlação entre o aumento da velocidade e os acidentes. Para ele, a culpa é da “imprudência dos motociclistas”.

Fonte: Agência PT de Notícias

 

Últimos artigos

Gleisi Hoffmann: A História que se repete
segunda, 18 setembro 2017, 18:14
A perseguição a Lula e a Dilma não é um fato isolado na História de nosso país. Os ex-presidentes Getúlio Vargas, Juscelino Kubitschek e João Goulart também tiveram suas vidas devassadas pelos adversários políticos e pela... Leia Mais
Por Nabil Bonduki - As flechadas de Temer atingem as terras indígenas
terça, 05 setembro 2017, 19:36
    Manter Temer na Presidência custa caro à nação. Para sobreviver às flechadas de Janot, o governo atende a lobbies fortes no Congresso, como ruralistas, mineradoras e grileiros. Interesses que ameaçam o ambiente e os povos... Leia Mais
Por Chico Macena: O desmonte das políticas públicas e a disputa de valores
sexta, 01 setembro 2017, 16:51
  Durante a gestão do PT, com o Prefeito Fernando Haddad, à frente da Prefeitura de São Paulo, publiquei uma série de 35 artigos falando das políticas públicas que estávamos desenvolvendo para a cidade. Recentemente, fiz uma... Leia Mais
Por Debora Pereira: Os desafios do PT a partir da organização setorial
terça, 22 agosto 2017, 15:51
  Em artigo, a pesquisadora do Programa de Mestrado em Mudança Social e Participação Política da USP fala sobre a importância dos setoriais PT-PE   O Partido dos Trabalhadores surgiu como expressão da classe trabalhadora e como... Leia Mais
Por Alexandre Padilha: Doria e Alckmin fazem gestão insana em SP
terça, 15 agosto 2017, 19:27
    Ex-ministro da Saúde escreveu artigo para revista Fórum sobre ação criminosa que dupla tucana fez na Cracolândia, em São Paulo   Eduardo Ogata / SECOM Ação truculenta na região da Cracolândia, centro de São Paulo Nesta... Leia Mais